quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Caso Viviane: Acusado da morte da médica é colocado frente a frente de testemunhas em São Miguel do Guamá

http://4.bp.blogspot.com/-Cfm5_xlTH6A/TxarbQfQKeI/AAAAAAAAEB8/OFaFyWXJ-lU/s320/V+E+C.jpgNa manhã desta quarta-feira, 18, acontece no Fórum da comarca de São Miguel do Guamá, a audiência de instrução do processo que apura a morte da médica Viviani Marins, assassinada em setembro de 2010 na BR010 entre os municípios de São Miguel do Guamá e município de Santa Maria do Pará. O acusado Francisco Charles dos Santos, foi indiciado após comprovação do cometimento do delito de Homicídio.  No dia 20 de setembro de 2010 a médica Viviani Marins, o marido Francisco Charles e o filho do casal seguiam de Belém para Paragominas quando foram surpreendidos, segundo Francisco, por assaltantes na BR-010 (Belém-Brasília). Um casal fingia pedir socorro na beira da estrada. Uma mulher estava com uma boneca que aparentava ser um bebê. Quando pararam se tratava de um assalto. Segundo Francisco em depoimento, a médica teria feito um movimento brusco e a assaltante teria atirado na cabeça da mulher e em Francisco que foi baleado no tórax. Ainda segundo Francisco Charles, em depoimento, depois de atirar nas duas vítimas, os assassinos ordenaram que os dois fugissem.
Por Esmael Teixeira, com Correio 010

0 comentários:

Postar um comentário